Amamentação e Refluxo. O que faço?

   O  bebê nasce, está tudo indo conforme planejado e imaginado, os cuidados, a amamentação e de repente sem motivo o recém nascido começa a se engasgar, ficar irritadiço, regurgitar muito, e após uma consulta descobre que ele está com Refluxo.

    E agora? O que é isso? Posso amamentar? O que posso fazer? E mais o que fiz de errado? Não é isso o que pensamos.

   Então  vamos entender um pouquinho desse problema que já está virando comum em nossos bebês e crianças.

    Do que se trata refluxo?

   O refluxo em bebês pode acontecer devido à imaturidade do trato gastrointestinal superior, ou quando o bebê tem alguma dificuldade de digestão, intolerância, alergia ao leite ou a algum outro alimento,no caso da amamentação (alimentos consumidos pela mãe que de certa forma acabam interferindo no leite materno). 
    Nos bebês o refluxo é caracterizado pelo enfraquecimento ou imaturidade do esfincter, válvula que conecta o esôfago ao estômago, que ainda não está funcionando direitinho, permitindo que os alimentos, principalmente os líquidos retornem do estômago a boca, causando mal estar, irritabilidade, perda de peso e muito mais.

    Então a pergunta é se o meu bebê regurgita ele está com refluxo?

   Isso depende. Regurgitar de vez em quando pode ser normal, até porque o bebê pode ter mamado demais, ou comeu com muita pressa e ansiedade engolindo além do leite ar o que faz o leite retornar. Mas o regurgitar com frequência pode estar associado sim ao refluxo, por isso a necessidade do acompanhamento pediátrico principalmente nas primeiras semanas de vida.

    Para você ficar atenta(o)!

Alguns sintomas relacionados ao refluxo:

- Irritabilidade e choro, principalmente pós mamadas;
- Perda de peso ou não ter ganho de peso;
- Tosse ou parecer que está sempre com coriza(resfriadinho);
- Frequência de regurgito;
- Presença de vômitos.

    Agora que já sabemos um pouco do que se trata o refluxo, e que é algo comum em nossos crianças e que nosso cuidado gira em torno da alimentação, ou melhor dizendo neste caso amamentação, o que temos que saber para auxiliar nosso bebê neste processo.

1- Posso Amamentar?

Deve-se amamentar.
O leite materno é o leite e alimento de mais fácil digestão, por isso mesmo que  a amamentação deve ser exclusiva neste período em que no bebê ainda está em formação o seu trato gastrointestinal.


2- Como devo Amamentar?

- Massagear os seios antes das mamadas, para que o leite saia com mais facilidade;
- Aumentar a frequência das mamadas, diminui a ansiedade e o afobamento do bebê;
- Oferecer uma mama em cada mamada, não esquecendo de alternar as mamas entre as mamadas;
- Eliminar distrações para o bebê;
- Amamentar em lugar calmo, sem barulho, tanto para o bebê quanto para a mãe;
- Se o bebê estiver ou for muito ansioso, amamentar  quando estiver sonolento, ou esperar que ele se acalme para depois retornar a oferecer os seios, por isso não deixar ele ficar com muita fome;
- Cuidar da pega correta no peito, o bebê tem que abocanhar toda a aréola e fazer uma boca de "peixinho" (lábios superiores virados para cima e inferiores para baixo);
- O bebê deve estar na posição de barriga com barriga com a mãe;
- A mãe pode oferecer o peito sentada ou caminhando, desde que ele esteja calmo, pega correta e sem distrações;
- Terminada a mamada colocar sempre o bebê para arrotar em posição vertical por 30 minutos;
- Evitar sacudir o bebê;
- Vesti-lo com roupas leves e confortáveis, que não apertem sua barriguinha e consequentemente seu estômago;
- Deitar o bebê de lado  com a cabeceira do berço elevada 30 graus,lateralmente tende a esvaziar mais rapidamente e eficazmente o estômago do bebê,  e diminui a chance de retorno do leite a boca(refluxo), mas nestes casos cuidar no posicionamento  para que ele não se vire e não corra o risco de sufocação (morte súbita). Por este motivo muitos profissionais orientam deitar o bebê de barriga para cima, também com a cabeceira elevada 30 graus, neste caso ajuda na questão do refluxo (pela elevação), mas  qualquer dúvida converse  com seu médico, ele pode ajudar na decisão do que é melhor e mais seguro para você e seu filho(a);
- Alguns profissionais orientam que a mãe pode amamentar caminhando mantendo o bebê na posição vertical, na verdade é você  que deve sentir o que é melhor e mais confortável para você e seu filho(a), desde que se cuide para fazer a pega correta do seio.



Pega Correta (Boca de Peixinho)



Fonte imagem: vilamamifera.com



Qualquer dúvida converse com seu médico, diminua suas ansiedades. 

E se quiser comente algo, para que possamos trocar experiências e informações.


Bom dia

Abraços Carina

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

carina.janesch@gmail.com

Enfermagem Domiciliar

Outros Blogs e Links!!!

Bebemcasa&ApoioMaterno
Apoio Materno

Bebemcasa&MamyAntenada
Cute & Cool Craft

Bebemcasa&MamyAntenada
Mamy Antenada

Videoteca

Aqui uma playlist de videos para você curtir!


Blogger Template Mais Template - Author: Papo De Garota
PageRank